26 de janeiro de 2010

21 de janeiro de 2010

E depois há aqueles dias...

... em que tudo parece voltar ao devido lugar, como se nunca de lá tivesse saído, em que nos sentimos bem com o que somos e fazemos e com o que temos à nossa volta, em que as palavras de conforto surgem de pessoas que não estávamos à espera, em que as atitudes daqueles que nos são queridos nos deixam quase sem reacção de tão bondosas e especiais que são, em que os amigos de quem nos sentíamos afastados vêm mostrar que afinal continuam lá para o que der e vier, em que as boas notícias rebentam à velocidade das pipocas e em que, simplesmente, sorrimos, sem motivo aparente, apenas porque sim!

18 de janeiro de 2010

Always look on the bright side of life...


O bom de ter perdido a fé na espécie humana é que as desilusões com que sou brindada de tempos a tempos já não me afectam tanto.
Nem tudo é mau, afinal...

(mas não é por isso que me sinto menos triste)

15 de janeiro de 2010

Deixo-vos aqui um miminho...(bom fim-de-semana)

É por esta e por outras tantas razões que, para mim, são uma das melhores bandas da actualidade. 

Não, ainda não foi desta que tive um ataque cardíaco...

Uma das possíveis consequências de andar [feita tonta] a aspirar a casa à noite é que, ao não colocarmos certos e determinados objectos que se encontram no chão [como, por exemplo, um espelho que está, no mínimo, há um ano para pendurar] rigorosamente no mesmo sítio onde se encontravam é, a meio da noite [que é, como quem diz, mais precisamente às quatro da manhã], o dito poder cair redondo [neste caso, rectangular] no chão e pregar-nos um susto de morte.

Foi basicamente o que me aconteceu esta noite.
E quem é que diz que eu conseguia levantar-me da cama para ir ver o que se passava?

 [sim, sou uma medricas e fico logo com o coração em ânsias e as pernas a tremer]

12 de janeiro de 2010

Ups, saiu-me um peso de cima...

É verdade.
Precisamente 2,5kg. 
E eu estou feliz.

[E estou feliz porque sei que para estar bem com os outros tenho, em primeiro lugar, de estar bem comigo. E eu só consigo estar bem comigo se gostar daquilo que vejo ao espelho. E, portanto, com todo o ânimo do mundo, começo lentamente a sair deste corpo com o qual não tenho afinidade nenhuma e a voltar às medidas que tão bem me fazem sentir.]

11 de janeiro de 2010

Alperce com caril (delicioso...)


Alguém me explica por que raio o frasco da canela moída é igual ao do caril?





Não é por nada mas acho que se a espuminha de leite que adornava o meu cappuccino de alperce tivesse sido polvinhada com canela (em vez de caril!!!!!), me tinha sabido um bocadinho melhor.

Digo eu...

(senhores da M*rg*o, desta vez passa, ok?)

Amor é...

... chegarmos os dois de rastos a casa, numa sexta-feira à noite, com o carro atolhado de roupas, sacos e afins e ele levar tudo para dentro de casa (para me poupar a mim) com os braços carregadíssimos e, ainda assim, tentar digitar o código de abertura da porta (nem que seja com a ponta do nariz... lindo!!!), para continuar a ser um cavalheiro e me deixar passar primeiro...

.... pôr o meu pijaminha a aquecer enquanto eu me preparo para dormir...

... preparar-me o pequeno-almoço no dia seguinte e escrever "Amo-te" no prato coberto de canela para o efeito...


Sim, hoje estou lamechas mas este fim-de-semana foi mesmo muito bom...

8 de janeiro de 2010

Ai que saudades...

 Foi este o sítio magnífico onde, há cerca de um ano, foi feito o pedido...






[como podem ver, hoje estou fartinha de trabalhar...]


fotos daqui: http://baqueira.es/

Eu sei que devia estar concentradita a trabalhar mas...

.... é mais forte do que eu! Já só consigo pensar no destino onde estas férias de Verão me vão levar... E, depois de analisadas todas as possibilidades [só eu sei o quanto gostaria de regressar à Indonésia - o sítio onde me senti verdadeiramente feliz todos os dias, 24/7 - ou explorar de mochila às costas a Nova Zelândia], the winner is... Vietnam!

Ora vejam,












E isto é apenas uma pequena amostra...

G., mais convencido?



5 de janeiro de 2010

E a vida começa hoje





Podia ser noutro dia qualquer. Afinal de contas, é quando eu quiser... Depende da vontade e do estado de espírito. E, ao quinto dia do ano, apetece-me recomeçar e, por isso, hoje começa a minha nova vida. Para este ano, tenho dezenas de sonhos e novos projectos. Aliás, como sempre... Não é surpresa nenhuma [para quem me conhece bem...], já que ando sempre a matutar em novas coisas e em mudanças radicais na minha vida que pretendo implementar de um dia para o outro. [E o erro tem sido esse...] A diferença é que hoje sinto-me verdadeiramente motivada e, portanto, vou pôr mãos à obra a partir de... agora! Calma e lentamente, de forma progressiva e enterrando de vez as coisas de que não gosto em mim, vou ser a pessoa que sempre quis ser...

E tenho uma enorme fezada para este ano! [eu, que até nem gosto de anos pares!].

E, portanto, 2010 vai trazer-me uma forma de estar na vida mais equilibrada e saudável, um corpo e espírito renovados, viagens ao meu íntimo [porque preciso reencontrar-me comigo], passeios à beira-mar e ao vento, as minhas músicas preferidas a tocar no ipod, momentos alegres e descontraídos passados entre família e amigos, histórias de outras vidas e lugares absorvidas dos milhares de livros que tenho para ler, uma maior dedicação profissional e uma entrega ainda maior a todas as pessoas que eu simplesmente adoro!

Aproveito para desejar um bom ano a todos!


Seguidores

moranguinhos

Este blog possui actualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo