29 de fevereiro de 2012

22 de fevereiro de 2012

O perfume da semana #2

Este é mesmo muito bom! Além disso, lembra-me reencontros (o nosso), gestos de ternura e cumplicidade, uma vontade enorme de mudar o (nosso) mundo e de começar tudo de novo, desta vez com o pé certo.

13 de fevereiro de 2012

Coisas a reter do fim-de-semana

1. A minha Avó paterna é um espectáculo! (a outra também mas à última da hora "cortou-se" e não pude usufruir da sua companhia)
2. As minhas primas gémeas continuam iguais ao que sempre foram (há coisas que nunca mudam e nós continuamos a parecer umas miúdas)
3. Não há como contornar: eu gosto mesmo das coisas boas da vida - passeios ao ar livre, comida típica alentejana, vinho tinto do bom, gargalhadas e disparates em família (não há dinheiro nenhum no mundo que pague isto) - e é por isto que eu nunca hei-de ser magra mas é também por tudo isto que eu nunca serei uma pessoa infeliz.

10 de fevereiro de 2012

Ainda há dias bons, não há?

Ao contrário de todas as expectativas (e após um corte substancial no meu ordenado, que me apanhou de surpresa no início do ano), fui promovida e inclusive (alegria das alegrias) vou ter direito a prémio anual;
Também ao contrário de todas as expectativas, vou finalmente receber um valor que me deviam há séculos e que achei que nunca mais me pagariam (já o tinha dado por perdido, confesso...);
O orçamento que nos apresentaram para a renovação da cozinha encaixa-se mesmo nos valores que estava a precisar de "ler";
E, a cereja em cima do bolo, o mais importante de tudo: vou passar o fds em família (pais, avós, irmã, primas e enteada do meu coração incluídos!) . Vai ser bonito, vai!!!

Regressei ao yoga

Estou totalmente virada do avesso.

9 de fevereiro de 2012

Sou só eu que tremo de cada vez que recebo uma carta das Finanças?

Fico sempre a achar que fui "sorteada" para uma qualquer fiscalização aos meus últimos cinco anos de relação com a administração fiscal ou que terei de devolver um reembolso indevido de IRS ou, no limite, que tenho um qualquer processo de contra-ordenação fiscal pendente, a acumular juros a cada minuto que passa.... Juro que demoro minutos a abrir a porcaria da carta com medo do que lá possa vir escrito!

Depois, vai-se a ver e era só um agradecimento por ter aderido ao serviço de notificações electrónicas. Ufa!

O perfume da semana


[desde há uns anos que os perfumes são uma das minhas grandes paixões. Fixam momentos e emoções e os diferentes cheiros trazem-me frequentemente à memória diferentes pessoas, sítios e, sobretudo, sentimentos. Confesso que não sei ao certo quantos tenho mas são umas dezenas. 
Este ano tomei uma decisão. Não vou comprar mais perfumes (pelo menos, enquanto não gastar todos os que tenho). E, portanto, irei utilizar um por semana até os meus queridos meninos se "evaporarem". ]

[Este comprei-o em Heatrow, há uns três anos, quando regressava das Maldivas. Como tem um aroma mais forte, decidi guardá-lo até chegar o Outono. Recorda-me o quão ansiosa estava por mais um recomeço. Setembro é, para mim, o mês da mudança, do recomeçar de novo e aproveitar ao máximo as novas oportunidades e é, provavelmente (talvez por isso e por muito mais), o meu mês preferido.]

8 de fevereiro de 2012

Tenho uma alma cigana, só pode

Se eu pudesse e nada me impedisse (o meu trabalho, o mestrado em que, num acto de pura loucura, decidi inscrever-me, o dinheiro que, de momento, não disponho) metia-me(nos) no carro e ia. Simplesmente ia. Não à deriva, claro, porque já tenho um destino mais ou menos traçado. Quero muito conhecer o sul de França (apesar de não ter um especial fascínio pelo povo francês) e visitar Montpellier, Avignon, Marseille, Aix-en-Provence.... Apetecia-me mesmo sossegar por uns dias e refugiar-me em locais belos e tranquilos. E, verdade seja dita, porque também adoro roadtrips. Principalmente a dois.







A palavra que sou

Se eu tivesse de definir-me numa só palavra, seria esta: sonhadora. Sou muitas outras palavras mas esta é, sem dúvida, a que me define desde sempre.

[é por ser assim que às vezes me sinto uma estranha nos lugares mais comuns e perto das pessoas mais chegadas; é também por ser assim que às vezes me sinto diferente e a minha realidade não é igual à dos outros; mas é também por ser assim que sou eu e eu não conseguiria ser de forma diferente...]

6 de fevereiro de 2012

Let's start again

São várias as vezes ao longo do dia que abro a caixa de mensagens. A vontade de escrever está cá sempre mas acho que ando complexada. Penso sempre que não tenho nada de importante para dizer ou escrever e volta e meia fecho a caixa de mensagens sem a ter preenchido com uma palavra que seja.

Mas hoje não. Hoje tenho mesmo de escrever (este blog também é parte de mim e não quero abandoná-lo mais e continuar a fazer de conta que não existe). É mais ou menos como a minha casa. Também tenho de tratar dela e algum dia terei de limpar o pó e aspirar o chão e mudar a roupa da cama, mesmo que não me apeteça.

A questão é que às vezes é necessário fazer uma pausa. Faz-nos bem. Aqui, como em casa ou em tantas outras coisas, é sempre bom termos um momento em que paramos, repensamos a nossa vida e decidimos o que queremos ser e fazer com ela. E é isso que eu tenho andado a fazer. Tenho andado a organizar a minha vida.

Seguidores

moranguinhos

Este blog possui actualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo